Nos 17 dias de festa, município registrou 1.531 ônibus e vans

Foram 526 veículos que vieram à Bauernfest só neste sábado e domingo

Petrópolis registrou 1.531 ônibus e vans de turismo nos 17 dias de Bauernfest - um número histórico de excursões e grupos turísticos chegando para um mesmo evento no período de uma festa da cidade. Só neste sábado (29) e domingo (30), 526 veículos de turismo chegaram ao município com destino à Festa do Colono Alemão – o fim de semana com maior número de veículos neste período de festa. São ônibus e vans que vieram de diversas partes do país trazendo turistas que lotaram a cidade.

Contabilizado pela CPTrans nos pórticos da cidade, foram 939 ônibus e 592 vans. No segundo fim de semana, foram 518 – sendo o domingo, dia 23 de junho, o dia que mais recebeu os grupos de excursão – 313 veículos ao todo. No primeiro fim de semana foram registrados 365 ônibus e vans. A diferença, comparada à edição de 2018, quando houve 10 dias de festa e 880 veículos, é de 73,98%.

O trabalho feito pela companhia com os veículos do turismo incluiu a abordagem e um levantamento realizado no evento. Com isso a CPTrans conseguiu verificar que a maioria dos grupos que chegam à cidade são do Rio de Janeiro e de Minas Gerais, mas há muitos casos de ônibus e vans que vieram de Santa Catarina e há registro, até, de ônibus que veio de Salvador, na Bahia. Ao chegar na cidade, eles foram adesivados e orientados sobre o local de desembarque dos passageiros, estacionamento do ônibus, local de embarque e, até mesmo, melhora rota para deixar a cidade.

Para os motoristas de ônibus de turismo a medida agradou. “Chegar com essa recepção e saber para onde ir, onde há lugar para parar, em que área podemos pegar o grupo de volta, enfim, ter todo esse itinerário pronto, evita dores de cabeça. Isso demonstra uma preocupação e um cuidado da cidade em recepcionar as pessoas, que, com a boa impressão, acabam querendo voltar”, destacou o motorista Maurício de Gouveia, que trouxe quase 10 grupos para Petrópolis nos 17 dias de festa.

Durante os 17 dias de Bauernfest, a Comdep recolheu 256 toneladas de lixo orgânico no Palácio de Cristal, Praça da Liberdade e Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia). A equipe especial para festa, contou com 86 funcionários trabalhando em dois turnos, para manter o espaço limpo mesmo com o grande fluxo de pessoas circulando. O estande de coleta de material reciclável recolheu mil litros de óleo de cozinha saturado e uma tonelada de papelão, latinhas entre outros recicláveis.

Durante o evento foram utilizados 80 mil litros de água não potável para a lavagem das vias, dentro do Palácio, arredores e no entorno dos banheiros químicos. O grupo de trabalho foi dividido em duas equipes de 30 funcionários cada, uma com atuação também de varrição e limpeza durante o dia e outra à noite, nos espaços do evento, além da equipe de apoio.

Ao todo, a a Comdep disponibilizou, no Palácio de Cristal, 70 barris de descartes de lixo com capacidade de 200 quilos, além das instalações de mais 13 coletoras de plástico com capacidade de 20kg nos arredores da festa.

A Comdep também irá restaurar todas as áreas de jardinagem da festa assim que toda a estrutura for desmontada.

A caminhada ecológica guiada no Caminho do Ouro reuniu 80 pessoas no último domingo (31.06). Os participantes completaram o percurso de pouco mais de seis quilômetros em cerca de 2h e 30 minutos. Organizado pela Secretaria de Meio Ambiente, o passeio começou na Estrada de Ferro, que fica próximo ao posto da Polícia Militar no Meio da Serra, até a Estação de Trem de Inhomirim em Magé. Os inscritos contaram com dois ônibus do Grupo Salvini para o transporte de ida e volta da trilha. Participaram da ação representantes da Cruz Vermelha, Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e do Grupo de Escoteiros 132.

A prefeitura busca sensibilizar os petropolitanos sobre a importância de preservar a natureza. Por conta disso, foi criado um calendário de caminhadas ecológicas guiadas. A próxima acontece no dia 21 de julho na travessia Araras x Secretário. Os interessados podem entrar no site da prefeitura para mais informações (www.petropolis.rj.gov.br) ou ligar para a Secretaria de Meio Ambiente no telefone: 2233.8180.

As caminhadas ecológicas são usadas como atividade de educação ambiental em diversas cidades do país. Em Petrópolis, o circuito pelas trilhas começou em maio, pelo Alto da Ventania, no Caxambu. Após a travessia Araras x Secretário, ainda serão percorridas o Castelinho e Pedra do Retiro.

Além do calendário guiado, a pasta investe em outras ações de conscientização, especialmente, nas salas de aula da rede municipal.

Com as caminhadas, a prefeitura quer aproveitar as belezas naturais de Petrópolis e reforçar a importância da preservação ambiental. “Essa também é uma forma de trabalhar educação ambiental no âmbito da comunidade, como já fazemos com as crianças dentro do Defesa Civil nas Escolas", destacou Anderson Campos, coordenador de educação ambiental da Secretaria de Meio Ambiente.

Vacinas do calendário de rotina serão disponibilizadas

A Secretaria de Saúde realiza o primeiro mutirão de vacinas na Comunidade da Glória, no próximo sábado (06.07). O objetivo é colocar em dia as cadernetas de vacina de crianças, jovens e adultos. A medida visa facilitar o acesso da população ao serviço, promovendo a aplicação das doses de rotina em quem não tiver sido imunizado.  A ação reforça a importância das vacinas no cuidado preventivo da saúde. O atendimento à população vai ser feito das 9h às 16h, na Escola Municipal Marieta Gonçalves.

Profissionais da Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica e da rede de atenção básica estarão atendendo a população para atualizar a caderneta de vacina. Para receber a dose de vacina pendente, os interessados devem comparecer na escola portando documento com identificação e caderneta.

O mutirão de vacinas vai atender toda a população local para atualização vacinal. Todas as vacinas de rotina estarão disponíveis para a população.

Em processo aberto pelo Ministério Público, moradores foram intimados a demolir alterações nos apartamentos

O posicionamento do governo, que é favorável à ampliação do prazo pedido pela Defensoria Pública aos moradores do conjunto da Rua Ceará, foi apresentado em uma audiência pública na Câmara de Vereadores nesta segunda-feira (01.07). A decisão sobre o prazo para demolições – uma determinação da 1ª Vara Federal de Petrópolis - no Conjunto Habitacional Rayane Aparecida Filgueiras, cabe ao judiciário.

A determinação para as demolições é resultado de uma ação movida desde 2002 pelo Ministério Público Federal, uma vez que as intervenções foram feitas em uma área de preservação permanente (APP), que faz parte da APA-Petrópolis.

As unidades foram entregues há mais de 17 anos e nenhuma das gestões anteriores do município adotou medidas para regularizar a documentação das unidades, o que será feito pelo atual governo. A solicitação da Defensoria Pública – ampliando o prazo para as demolições - foi encaminhada pela prefeitura no dia 25 de junho ao juízo da 1ª Vara Federal - a quem cabe determinar qualquer alteração de prazo.

A dilatação do prazo, conforme solicitado pela defensora pública Andrea Carius - de 30 para 120 dias tem a concordância da Prefeitura.   De acordo com a Secretaria de Obras, o novo período poderá contribuir para a avaliação das construções irregulares. "A dilatação do prazo também vai atender a uma demanda da prefeitura, que precisa de mais tempo. O meu objetivo é fazer com que os moradores sejam ouvidos", disse a defensora pública Andréa Carius.

As intimações entregues aos moradores seguem uma determinação da 1ª Vara Federal de Petrópolis, que estabeleceu que a Secretaria de Obras intimasse os proprietários das unidades que realizaram obras sem autorização da prefeitura a fazerem a demolição das construções irregulares.

Mais 15 supermercados de Petrópolis foram fiscalizados pelo Procon Petrópolis na última sexta-feira (29.06). O órgão verificou se os estabelecimentos, de sete redes distintas, estavam cumprindo a lei estadual que proíbe a utilização de sacolas plásticas. Desde que a lei começou a valer, na quarta-feira (26) passada, o órgão verificou 33 estabelecimentos de 14 redes.

Com a proibição, os mercados devem oferecer novas sacolas, produzidas com pelo menos 51% de fontes renováveis, como milho e cana, por exemplo, que poderão ser reutilizadas por até 50 vezes. O custo desses novos modelos de sacolas pode ser cobrado para os clientes, mas não pode ser maior que o preço de custo pago pelo supermercado e o valor deve constar na nota fiscal do cliente. A determinação, neste momento, só é válida para grandes empresas. As pequenas e micro terão mais seis meses para se adaptar.

Em um dos mercados fiscalizados, o Procon notificou o estabelecimento que estava vendendo a nova sacola a preço superior ao de custo – o mercado se adequou na hora. No início do mês, o Procon já havia notificado aos supermercados da cidade sobre a substituição das sacolas, em atendimento à lei. Com a nova lei, válida em todo o estado do Rio, a expectativa é reduzir cerca de 3 bilhões por ano o número de sacolas plásticas em circulação no estado.

O Procon solicita que denúncias sobre o uso de sacolas após o dia 25 sejam feitas na unidade que funciona na Rua Dr. Moreira da Fonseca 33, no Centro, ao lado da Câmara dos Vereadores. Os telefones para contato são o 2246-8469 / 8470/ 8471 / 8472 / 8473 / 8474 / 8475 / 8476 e 8477. Há, ainda, a unidade de Itaipava, que fica na Estrada União e Indústria 11.860, no Centro de Cidadania. Os usuários também têm como opção o WhatsApp Denúncia pelo 92257-5837 e o site www.petropolis.rj.gov.br/procon e o serviço de mensagens da página Procon Petrópolis no Facebook.

Confira quais os supermercados foram fiscalizados na última sexta-feira:

Petro Verde

Sacola: não vai cobrar

Notificação: Não

Tere Frutas

Sacola a R$0,05

Notificação: Não

DIB Corrêas

Sacola a R$0,05

Notificação: Não

DIB Cascatinha

Sacola a R$0,05

Notificação: Não

Tá no Gosto

Sacola a R$0,07

Notificação: Não

Supermarket

Sacola a R$0,06

Notificação: Não

BreadFruit

Sacola a R$0,05

Notificação: Não

Extra

Sacola a R$ 0,08

Notificação: Não

Bramil

Sacola a R$ 0,05

Notificação: Não

Super Serra

Sacola a R$ 0,06

Notificação: Não

Green Fruit

Sacola a R$ 0,05

Notificação: Não

Armazém de Grão

Sacola a R$0,05

Notificação: Sim, ausência da sacola cinza

Multimix

Sacola a R$0,05

Notificação: Sim, ausência da sacola cinza

Empório Valleju

Notificado: não possui sacola

Celma

Sacola a R$ 0,06 (porém o preço de custo é R$ 0,05)

Autuado: Sim, repasse maior ao consumidor comparado ao preço de custo da sacola.

O Balcão de Empregos da Prefeitura, administrado pelo – Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico - tem 86 vagas disponíveis nesta semana. Os candidatos devem cadastrar os seus currículos na prefeitura pelo site www.petropolis.rj.gov.br. Mais informações podem ser consultadas pelo telefone (24) 2233-8113.

O balcão de empregos realiza a divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo, sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. O Detra fica na Avenida Barão do Rio Branco, nº 2846. Confira as oportunidades:

Ajudante de padeiro - 2 vagas - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Assistente de prevenção - 1 vaga - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Atendente de cafeteria - 1 vaga - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Auxiliar de Departamento Pessoal - 1 vaga - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Consultor de vendas - 50 vagas - ambos os sexos - Ensino médio completo, ser comunicativo, dinâmico e ter facilidade com vendas

Cozinheiro - 2 vagas - ambos os sexos - Ensino fundamental e experiência

Fiscal de caixa - 2 vagas - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Fiscal de prevenção - 3 vagas - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Gerente comercial - 2 vagas - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Gerente Geral - 1 vaga - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Operador de loja - 20 vagas - ambos os sexos - Ensino médio e experiência

Técnico de manutenção - 1 vaga - ambos os sexos - Curso profissionalizante de elétrica ou automação e experiência

Iniciativa da FGV EBAPE - Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais

Petrópolis está participando do Programa “Rede de Líderes Educacionais Fluminense”, promovido pela Fundação Getúlio Vargas que tem o objetivo de desenvolver competências pessoais, relacionais e de gestão em líderes que atuam na educação, para formar uma rede colaborativa de troca e fortalecimento mútuo capaz de transformar e impulsionar a educação pública no estado. Uma das etapas ocorreu nessa segunda-feira (01.07) na FGV de Botafogo.

Apenas 70 líderes educacionais de todo o Estado estão participando do programa. A representante de Petrópolis, Gloria Maria Vargas, é a responsável pelo Departamento de Ensino Fundamental da Secretaria de Educação e foi aprovada na chamada pública feita pela Fundação Getúlio Vargas para participação

O curso, que começou em março, tem duração de dez meses. “A intenção é a de elaborar ações a partir de um plano de trabalho baseado no diagnóstico do município. Isso nos ajudará, por exemplo, a projetar ações de fortalecimento da educação básica, entre outros”, explica Gloria Maria.

Uma das etapas do programa ocorreu em junho, no Seminário sobre a Educação de Sobral. Também nesse caso, Petrópolis foi selecionada para o Seminário que apresentou um panorama da trajetória e estratégias adotadas pelo município, que fizeram Sobral ter hoje a melhor Rede Pública Municipal de Educação do Brasil, segundo avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2017.  Além desse tipo de encontro, o programa prevê sessões mensais de mentoria a distância, oficinas e minicursos e a troca e colaboração entre os participantes.

Padre Siqueira fica com a mão invertida até liberação da via

A Alfredo Pachá permanece interditada até que a estrutura da Bauernfest seja totalmente desmontada. Neste período, a Padre Siqueira irá seguir com a mão invertido no sentido Roberto Silveira. A previsão é que as vias sejam liberadas até o início da próxima semana. No entorno da Praça Visconde de Mauá, onde funcionou Biergarten, a estrutura já está quase totalmente removida e já nesta terça-feira (02.07) o local deve ser liberado para a passagem de veículos.

Até que toda a estrutura seja removida, a CPTrans avalia que medidas adotadas durante a festa serão mantidas em caráter definitivo. As equipes de engenharia de trânsito já trabalham no balanço e medidas que deverão ser benéficas para o trânsito. Até lá, ficam mantidos a sinalização vertical implementada em ruas como a 13 de Maio, Montecaseros – que também fica em mão única, Praça da Liberdade, Roberto Silveira, Avenida Piabanha, entre outras.

O Centro de Referência em Atendimento à Mulher (Cram) realizou em junho 53 atendimentos, entre retornos e novos casos. Apesar do número ser 11% menor que o mesmo período do ano passado, o levantamento realizado pelo órgão, aponta um crescimento em 2019 de 18.19% nos atendimentos iniciais, ou seja, mulheres que buscaram assistência pela primeira vez. Este dado, aponta a confiança e segurança das mulheres na prestação do serviço.

O crescimento do primeiro atendimento é muito importante no trabalho realizado pela equipe do Cram, que é subordinado ao Gabinete da Cidadania. Isso mostra que as mulheres vítimas de violência doméstica se sentem mais confiantes para denunciar e seguras para pedir ajuda ao órgão, neste momento de extrema fragilidade. Na unidade, as mulheres contam com orientações jurídicas, acompanhamento social e psicológico e trabalha em parceria com toda a rede, além das delegacias de Petrópolis para atender à mulher em situação de violência – seja ela moral, verbal, patrimonial, física ou sexual.      

O Dossiê Mulher é o levantamento que tem o objetivo de divulgar dados anuais levantados pelo o Instituto de Segurança Pública (ISP, dos principais crimes sofridos pelas mulheres no estado do Rio de Janeiro. Ele visa colaborar com a visibilidade da violência sofrida, ressaltando a importância ao combate desses crimes. O Dossiê 2019 apontou que, em Petrópolis, 35,5% das mulheres sofreram violência psicológica, 52,1% das vítimas variam entre 30 e 59 anos e como a média estadual, 52,7 % dos casos de violência doméstica aconteceram dentro da casa da vítima.

Para denunciar ou solicitar informações, pode ligar para o telefone 2243-6152 ou comparecer à sede do Cram, na Rua Santos Dumont, número 100, no Centro. O funcionamento é de segunda a sexta, de 8h às 17h. Em casos de emergência, a mulher pode ligar em qualquer horário para o número (24) 98839-7387, disponibilizado pelo órgão. Caso se sinta violentada de alguma forma, a mulher pode contatar a Polícia Militar pelos números 2291-5071, 2242-8005 ou 180, além de poder contatar via WhatsApp a emergência da Polícia Militar, pelo número (24) 99222-1489.

Mais de 200 alunos participaram do primeiro dia de disputa do handebol nos Jogos Estudantis Municipais (Jems) nesta segunda-feira (01.07). As partidas aconteceram no Centro Esportivo da Escola Municipal Fábrica do Saber, na Estrada da Saudade. Na terça (02), a modalidade continua sendo disputada no sub-15, no mesmo local.  Ao todo, a competição reúne 30 escolas da rede municipal e cerca de mil estudantes nas duas faixas etárias em mais de 100 horas de atividades esportivas.

A meta da prefeitura é incentivar a prática do esporte entre as crianças e adolescentes, e por isso, a atual gestão investe no fortalecimento das competições estudantis. Além do handebol, o Jems conta com outras seis modalidades esportivas em disputa: futsal, futebol de campo, basquete, vôlei, xadrez e tênis de mesa. A programação completa, com as datas de disputa de cada modalidade, está disponível no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Cerca de quatro mil alunos estão envolvidos, somando as duas competições estudantis.

Mais uma vez, o transporte está garantido para os alunos que participam do Jems. Desde o início da atual gestão, a Secretaria de Educação disponibiliza um ônibus que busca os estudantes nas escolas e leva até o local em que acontecem os jogos. Além da Fábrica do Saber, o Jems será realizado no Sesc de Nogueira, no futebol de campo.

“Em uma comunidade como a nossa, o esporte é essencial na formação dos alunos. Além da saúde, também existem os benefícios sociais, uma oportunidade de interação entre os jovens", disse Raquel Girardi Sixel, diretora da Fábrica do Saber, que também participa do Jems.

No ano passado, 21 instituições de ensino participaram do Jems. Em 2019, são 30 escolas inscritas na competição. Dessa forma, mais alunos também estão presentes das modalidades esportivas disputadas.

Instrumento que norteará a eleição dos futuros integrantes do Conselho Municipal de Inovação, o edital com as informações, prazos e regras da condução do processo estará disponível no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) a partir de terça-feira (02.07). O lançamento oficial do edital está marcado para o dia 3 de julho, às 17h, na sede do Sicomércio.

Deverão participar do lançamento entidades empresariais e de instituições de ensino e pessoas que se interessam pelas ações que envolvem a inovação e são essenciais para o desenvolvimento dos setores produtivos como agricultura, comércio, indústria, educação, entre outros.

O edital está previsto na Lei 7.799/2019, a Lei de Inovação, criada pela prefeitura para estimular o crescimento econômico de Petrópolis.  O evento é aberto à comunidade. O Sicomércio fica na Rua Irmãos D'Angelo, 48, Cobertura – Centro.

Na ocasião, a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico vai explicar como vai ocorrer a eleição dos integrantes do Conselho Municipal de Inovação, instrumento criado pela Lei da Inovação, com caráter deliberativo e que será responsável por formular, propor, avaliar e fiscalizar as ações e políticas públicas de promoção da inovação para o desenvolvimento do município.

O Conselho Municipal de Inovação - CMI - será composto por seis representantes do poder público municipal e seis representantes de entidades não governamentais. As inscrições dos interessados em participar do conselho deverão ser entregues entre 8 de julho e 31 de julho, das 9h às 18h de segunda à sexta feira, na Casa dos Conselhos. Vale salientar que toda a documentação necessária para inscrição será descrita durante o lançamento do edital. O Fórum de eleição será realizado no dia 16 de agosto, das 16h às 19h, na Casa dos Conselhos, com a votação entre os pares. A posse dos novos conselheiros será realizada no dia 28 de agosto.

O céu azul e o sol que espantaram o frio em Petrópolis na manhã deste domingo vieram para coroar um dos desfiles mais bonitos desta 30ª Bauernfest.  O Desfile Folclórico, que percorreu ruas do Centro Histórico neste último dia da Festa do Colono Alemão, espalhou a alegria dos colonos germânicos com muita música e dança folclórica. Batendo recordes, todos os espaços da festa estão lotados desde as primeiras horas em que as  barracas fabertas. A programação continua até a noite no Palácio de Cristal, na Praça da Liberdade e na Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia).

O prefeito acompanhou o último desfile desta edição - que é um dos pontos altos de todo o evento - ao lado do cônsul geral da Alemanha no Rio de Janeiro, Klaus Zillikens. “É um evento que está muito ligado com a comunidade germânica e isso é muito importante para a cidade, não fica só restrito a um pequeno grupo, é uma festa celebrada por toda população”, disse o cônsul. 

Crianças, adultos e idosos, turistas e petropolitanos, não teve ninguém desanimado entre os desfilantes e o público. O segundo Desfile Folclórico desta 30ª edição mostrou o porquê de ser considerada uma das principais atrações do evento. 

Com mais de 400 participantes, o desfile contou com bandas de música germânica, famílias de descendentes de colonos, bandas marciais, companhia de teatro, a realeza da Bauernfest 2019, grupos de dança folclórica, entre outros. Além dos visitantes, o petropolitano também abraçou e aprovou a festa. “A festa foi muito elogiada pelos turistas, muitos prometeram voltar no ano que vem. Mas tivemos também muitos elogios de empresários e moradores da cidade”, explicou o secretário da Turispetro, Marcelo Valente.

O desfile, que saiu da Rua da Imperatriz, passou também pela Avenida Koeler, a Rua Roberto Silveira e terminou no Palácio de Cristal.

Hoje, o público ainda pode aproveitar o último dia de festa com uma série de atrações por todos os espaços. No Palácio de Cristal, tem contação de história para as crianças, apresentação de coral, Bauernband, a final do concurso de chope a metro e bailão com a Banda Germânica. Já na Praça da Liberdade tem Jogos Germânicos, apresentação de banda marcial, recreação infantil, teatro, coral, Banda do Barril e Renato Estrada e Família.    O Biergarten também recebe diversas atrações musicais. A programação completa está disponível no site da festa: https://www.bauernfestpetropolis.com.br e na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/bauernfest/

A criançada curtiu o último dia da 30ª Bauernfest, com o destaque da programação infantil: Jogos Germânicos. As atividades aconteceram todos os dias na Praça da Liberdade e mais de 300 crianças participaram das gincanas. Foram brincadeiras típicas como cabo de guerra, corrida com tora, carrinho de mão, corrida de saco, corda, guerra de travesseiro, entre outros. Todos exercícios que lembram os primeiros colonizadores de Petrópolis.

Os Jogos Germânicos ofereceram atividades para toda família. O representante comercial, Marco Antonio da Silva, participou das atividades junto com o filho Miguel de 8 anos, no final de semana passado e voltou neste domingo para aproveitar o último dia de festa. "O espaço da praça é ótimo, gostei muito da iniciativa para pratica de esportes e para o local. Acho que esses eventos esportivos deveriam acontecer o ano todo. Gostei bastante", contou. Já o filho Miguel, aproveitou bem a praça. "Eu brinquei de tudo aqui, gostei muito porque eram brincadeiras diferentes, achei muito divertido", disse o menino.

No ano passado os Jogos Germânicos também foram sucesso na Bauernfest e este ano a expectativa foi superada já que os jogos aconteceram na Praça da Liberdade. "Conseguimos inserir a pratica de esportes no calendário de eventos do município. Em todas as festas estamos oferecendo alguma atividade temática para o público", destacou o superintendente de Esportes, Leandro Kronemberg.

A manhã do último dia da 30ª Bauernfest foi marcada com grande público circulando pelo Palácio de Cristal e arredores, e contemplada com um belo céu azul com muito sol. O domingo em família foi curtido na festa com atrações para todas as idades. As crianças curtiram teatro, recreação, contação de história, além dos Jogos Germânicos. Já os adultos aproveitaram o famoso chope gelado acompanhado das comidas típicas alemãs. A Bauernfest, que começou no último dia 14, termina neste domingo (30.06).

A festa que vai deixar gostinho de quero mais este ano teve os dias estendidos e os locais das atrações ampliados. Turistas e petropolitanos aproveitaram a festa não só no Palácio de Cristal, mas também na Praça da Liberdade e na Praça da Águia com o Biergarten. Três espaços com atividades gratuitas e apresentações musicais, e muita gastronomia.

As amigas Lyvia Souza Bitencourt e Thayna Costa são moradoras do Rio de Janeiro e vieram curtir o domingo de sol na Bauernfest. "Esta é a segunda vez que eu venho na festa. Trouxe a Lyvia para conhecer, porque eu sou apaixonada pela cultura germânica e aqui tudo é muito organizado, então prefiro vir pra cá tomar meu chopinho e aproveitar a festa com os amigos", contou Thayna Costa. "Esta é a primeira vez que eu venho e estou achando a festa sensacional. Aqui é um espaço para todos, achei muito bom a festa ser aberta e não precisar pagar para entrar, sem falar na organização de estacionamento, banheiro e venda das bebidas e comidas", contou a fisioterapeuta Lyvia Souza Bitencourt.

Mais tarde na Praça da Liberdade, o palco Koeler recebe Renato Estrada e família e banda do Barril animando a programação da festa. Já no Palácio de Cristal, o palco Koblenz terá atrações de Grupos de Danças Folclóricas até 20h45. Além da grande final do concurso de Chope a metro que está marcado para 18h30 no palco Engelbert. E às 20h o grande Bailão com a banda germânica encerra a festa com muita alegria.

"O movimento foi excelente, todos os finais de semana de festa foram agitados pela manhã e hoje não foi diferente. Já estamos felizes em encerrar a festa com esse céu azul e com a festa cheia", contou o proprietário de uma barraca de comidas típicas e chope, Filipe Santana Lisboa, que destacou em já vendeu mais de 3.500 litros de chope durante a festa.

A cidade recebeu mais de mil veículos de turismo, mais de 400 mil pessoas neste período e espera ter ultrapassado a meta de R$ 43 milhões que movimentaram a economia no ano passado.

Programação continua neste domingo com Desfile Folclórico

Parte importante da programação nesta reta final da Bauernfest – Festa do Colono Alemão, que termina hoje (30.06) -  o Desfile de Lanternas iluminou as ruas do Centro Histórico e encantou petropolitanos e turistas na noite de sábado (29.06). “Foi maravilhoso participar e ver esta multidão carregando as lanternas e iluminando as ruas da cidade. Muito lindo mesmo. Uma energia muito boa. Foi a primeira vez que participei, mas já quero voltar nos próximos anos”, contou a farmacêutica Cintia Sampaio Karl, que é descendente de colonizadores. “Sou da quinta geração de colonos. Minha intenção para o próximo ano é trazer também um estandarte com o nome da minha família”, conta entusiasmada.

Inspirado em uma tradição germânica secular em comemoração ao dia de São Martinho – celebração que também marca o início do inverno alemão – o Desfile de Lanternas levou mais de 500 pessoas às ruas do Centro.

Famílias de descendentes de colonos, grupos folclóricos, além de turistas e petropolitanos que participam da Bauernfest, se animaram a participar. O desfile teve início na Avenida Ipiranga, percorreu a Av. Koeler e as ruas Roberto Silveira e Alfredo Pachá, até chegar ao Palácio de Cristal.

No coração da Festa do Colono, as lanternas mais bonitas foram premiadas em um concurso que avaliou quesitos como criatividade e sustentabilidade. Com uma belíssima lanterna feita com aproveitamento de materiais como garrafa pet, caixas de leite e papelão, a costureira Simone Isídio Cesário Garrido Vivarini garantiu o primeiro lugar no concurso que avaliou a criatividade dos participantes. “Foi a primeira vez que participei do desfile, que é maravilhoso, e também do concurso. Valeu muito a pena, saio daqui muito feliz e já pensando em participar de novo ano que vem”, afirma.

Já no concurso que elegeu a mais bonita lanterna com base no quesito sustentabilidade, quem arrebatou o prêmio foi a artesã, Dalva Resende Januzi, que é descendente de colonos alemãs, já participa do desfile anualmente e pela primeira vez entrou na disputa, com uma delicada lanterna em formato de chalé, toda esculpida em papelão.

“O maior desafio foi pensar o que fazer. Depois separei matérias como caixinhas de fósforo e caixas de pizza e fui dando forma. Foi uma alegria ser premiada já na primeira vez em que participo. Eu amo esta festa. Participo da Bauernfest há mais de 15 anos como artesã.

Apaixonada pela cultura germânica, a professora Maristela Manso, levou o prêmio na categoria livre, com uma lanterna confeccionada toda em papel. “Fico honrada com a premiação. É uma alegria para mim participar do concurso e principalmente deste desfile, que resgata a tradição de uma celebração realizada na Alemanhã pela chegada do inverno”, conta, destacando que a cultura germânica deve ser preservada. “A festa está maravilhosa. Está crescendo, mas sem perder a essência, que é a do resgate das nossas origens, da chegada dos primeiros colonos à Petrópolis, e que aqui imprimiram a cultura que ainda nos inspira e que deve ser preservada”.

Outro destaque da noite foi a descendente de colonos, Maria da Gloria Esch, que já havia levado o primeiro lugar no desfile passado e aos 81 anos participou animadamente do desfile pelas ruas da cidade e foi mais uma vez premiada por sua linda lanterna em forma de moinho. “Ganhei três concursos. Estou muito feliz pois certamente os meus antepassados que ajudaram a construir a cidade, estão orgulhosos pela forma como os represento hoje”, declarou animada.  

“É sempre muito emocionante perceber a participação dos descendentes, a valorização desta cultura e ver o público prestigiar o desfile, com as famílias, crianças, curtindo juntos essa tradição e a própria festa”, avalia o diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE), Marcelo Florencio. “Conseguimos resgatar a tradição da Bauernfest. A Festa do Colono vem se consolidando ano após ano, como uma das mais importantes dentro do calendário de eventos da cidade”, completa o titular da TurisPetro, Marcelo Valente, lembrando que durante a festa mais de 1 mil ônibus e vans chegaram a Petrópolis.  

Neste domingo (16), acontece o Desfile Folclórico, com as famílias de colonos germânicos, saindo às 10h da Rua da Imperatriz (em frente ao Museu Imperial) e encerrando no entorno do Palácio de Cristal. A festa terá intensa programação ao longo de todo o dia, com concursos, apresentações dos grupos de dança folclórica, Jogos Germânicos, teatro, atividades para as crianças, entre outras atrações.

A programação completa está disponível no site da festa: https://www.bauernfestpetropolis.com.br e na página do evento no Facebook:https://www.facebook.com/bauernfest/

Prévia já bate mais de 400 mil visitantes

A 30ª Bauernfest já deixa saudade em seu último dia de evento, superando todas as expectativas, movimentada do início ao fim. Com três fins de semana – um a mais do que no ano passado -, a Festa do Colono Alemão vai superar longe a marca de 350 mil visitantes do ano passado. A prévia (até sexta-feira) já indicava mais de 400 mil pessoas. Só de carros de passeio, o balanço parcial aponta mais de 90 mil veículos de turistas em dois fins de semana – um deles com o feriado prolongado. Mais de 1.100 ônibus e vans de turismo trouxeram mais de 40 mil pessoas à festa. Com a vinda de milhares de turistas especialmente para a segunda maior festa germânica no país, a economia da cidade se manteve aquecida nestes 17 dias e em todos os setores: Rua Teresa, comércio do Centro, hotéis, restaurantes e pousadas.

A maioria dos visitantes vem atraída não só pela gastronomia, mas pela programação cultural que, neste domingo, conta com atrações durante todo o dia. O destaque é o Desfile Folclórico, que percorre ruas do Centro Histórico a partir de 10h, saindo da Rua da Imperatriz. Bandas marciais, bandas de música germânica, o Clube 29 de Junho, a realeza da festa, com a Rainha e a 1ª e 2ª Princesas, além das famílias de descendentes de colonos prestam uma homenagem à cultura germânica animando o público da festa pela Avenida Koeler, Rua Roberto Silveira e terminando no Palácio de Cristal – coração da festa. Qualquer pessoa pode participar, desde que esteja trajada e chegue com, pelo menos, meia hora de antecedência.

Neste último dia de Bauernfest, além do Desfile Folclórico, o público vai poder contar com atrações por todos os espaços do evento. A festa abre às 10h. No Palácio de Cristal, tem contação de história para as crianças, apresentação do Coral do Colégio Koeler, Bauernband, a final do concurso de chope a metro e bailão com a Banda Germânica. Já na Praça da Liberdade tem Jogos Germânicos, apresentação da Banda Marcial Embaixador José Bonifácio, recreação infantil, teatro, Coral Colégio Koeler, Banda do Barril e Reato Esttrada e Família.

O Biergarten também recebe diversas atrações, como Passo do Choro, Dois Num Samba, O Velho Blues, Spiel und Charm e Hometown Blues.

A programação completa está disponível no site da festa: https://www.bauernfestpetropolis.com.br e na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/bauernfest/.

Curso, gratuito, é oferecido na Casa da Educação Visconde de Mauá

Ainda há vagas para crianças e adolescentes entre 7 e 17 anos

A atmosfera germânica da Bauernfest é um incentivo a mais para os alunos da rede municipal de Educação que estão participando das aulas de alemão na Casa da Educação Visconde de Mauá. O curso, iniciado em março, é uma das novidades oferecidas pela Casa da Educação neste ano e o melhor: ainda há vagas para crianças e adolescentes entre 7 e 17 anos.

A secretária de Educação, Marcia Palma, salienta que ainda há vagas para o curso. “Os pais interessados devem entrar em contato com a secretaria da Casa da Educação. As aulas são resultado de uma parceria com Marcos Carneiro, integrante de um grupo folclórico que promove ações de incentivo a cultura alemã. Só temos a agradecer por essa iniciativa. O planejamento é que cada vez mais sejam oferecidas vagas para os nossos alunos”, explicou.

Heitor Bezerra de Andrade, aluno do 5º ano da EM Cirilo Calaon, está gostando das aulas. Segundo ele, o alemão será importante para o seu canal no youtube. “Eu estou adorando. Achei que seria mais difícil. No começo, fiquei ansioso, mas, agora, com o tempo, estou aprendendo cada vez mais. Acho que saber falar Alemão vai ser importante porque tenho um canal no youtube e quero mostrar para os meus seguidores essa novidade”, contou.

Uma das professoras responsáveis pelas aulas, Nathália Pujol, explicou que os alunos estão surpreendendo. “O resultado tem sido muito positivo. Eles estão animados e, com essa atmosfera de Bauernfest, eles estão ainda mais interessados, conhecendo as particularidades da língua e da cultura alemã, tão próxima da nossa história de colonização”, contou.

Vítor Luiz Justen, aluno do 7º ano do Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio já está pensando no futuro: ele deseja ser piloto de Fórmula 1, no futuro, e quer disputar corridas na Alemanha. “E é por isso que o alemão é muito importante. Estou aprendendo e muito feliz. Gostando das aulas e querendo mostrar para minha família tudo o que estou aprendendo”, disse.

As aulas são dinâmicas: música e jogos fazem parte do planejamento. “Percebemos que os alunos estão interessados. As professoras são ótimas e o curso de alemão foi um presente para Casa da Educação Visconde de Mauá”, disse a diretora da Casa da Educação, Maria Fernanda Secco.

Os pais interessados em inscrever os filhos nas aulas de alemão podem fazer a inscrição na secretaria da Casa, localizada à Avenida Barão do Rio Branco, nº3. O funcionamento ocorre de segunda a sexta-feira, de 9h às 18h. As aulas serão realizadas nas sextas-feiras, na parte da manhã e à tarde.

Para a inscrição é necessário levar declaração escolar e cópias da certidão de nascimento, comprovante de residência, RG e CPF do responsável.

O Defesa Civil nas Escolas envolveu mais de 20 mil alunos em 550 atividades realizadas neste semestre. Os trabalhos foram desenvolvidos em todas as 182 unidades da rede municipal, além de outras 32 particulares e outras duas estaduais. Nesses cinco meses letivos do ano, os estudantes trabalharam as ameaças de inverno, que são os incêndios florestais e a estiagem, abordando a educação ambiental e a temática do bem-estar animal. A meta da prefeitura é desenvolver a cultura de prevenção aos desastres de origem natural e de percepção de riscos entre as crianças e adolescentes, investindo na conscientização e em ensinamentos na sala de aula. Por causa do programa, Petrópolis já se tornou referência no Estado pela ação efetiva nas escolas.

A primeira instituição a entregar as atividades foi a Escola Municipal Paulo Freire, no Centro, que possui 147 alunos com necessidades especiais. Foram desenvolvidos cartazes e os estudantes também fizeram uma visita ao bairro Alto da Serra, aprendendo sobre ocupação desordenada. “A gente sempre pede para que eles tragam a realidade dos seus bairros para que seja desenvolvida a atividade. A visita de campo é importante também neste sentido”, explicou a professora Roseni Egídio, que ajudou no desenvolvimento das atividades para o programa.

Outro exemplo de instituição empenhada no projeto é a Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória, no Morin. Todos os 500 estudantes do colégio estão envolvidos nas atividades do Defesa Civil nas Escolas. "Em mais de 40 anos de magistério eu nunca havia visto um trabalho como esse, efetivo, que vai trazer resultados para as nossas crianças. A conscientização ambiental é fundamental para garantirmos um futuro melhor. Esse trabalho precisa ser feito dentro da escola", disse.

 Apesar de estar em prática há pouco tempo, o programa de Petrópolis se tornou referência para todo o Estado do Rio de Janeiro. Membros do Conselho Gestor de Defesa Civil das Regiões Norte e Noroeste do Estado (Cogesdec) e representantes dos municípios da Região Serrana estiveram na cidade conhecendo o programa, que é inédito no país. 

“Nos países de primeiro mundo, as crianças aprendem a como se comportar em caso de ocorrências. O trabalho desenvolvido em Petrópolis, através de força de lei, é uma demonstração que é possível fazer também aqui no nosso país”, disse Edimaldo Ferreira de Araújo, superintendente de Defesa Civil de Porciúncula. “É um grande sonho desenvolver o trabalho de prevenção aos desastres de origem natural com as crianças”, comentou Roberto Júnior, coordenador de Defesa Civil de Bom Jesus do Itabapoana.

No segundo semestre de 2018 - primeiro ano de funcionamento da política pública - foram realizadas 170 atividades, com a participação de 103 unidades da rede, oito particulares e um estadual. Nesse ano, o programa foi ampliado para as escolas das redes pública e privada que contam com educação infantil. 

O programa também já rendeu um prêmio para a prefeitura. O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) vai entregar um pluviômetro semiautomático e um kit educativo para serem usados dentro da política pública. As ferramentas serão instaladas na Escola Municipal Senador Mario Martins, no Caxambu.  

No segundo semestre, as escolas irão trabalhar em cima das ameaças de verão, que são os deslizamentos de terra, inundações, rolamento de blocos rochosos, tempestades de raios e vendavais. “A nossa meta é envolver todos os 42 mil alunos da rede municipal até o final de ano, além da participação das escolas particulares e estaduais”, completa o secretário de Defesa Civil.

Homenagens marcam o feriado pelo Dia do Colono

A presença dos imigrantes germânicos que ajudaram a colonizar Petrópolis, a força do trabalho e toda herança deixada por eles, além de seus descendentes, foram celebrados e homenageados neste sábado (29.06), feriado pelo Dia do Colono Alemão. A data foi marcada por solenidades no Obelisco e no Monumento Koeler, além da realização de um culto ecumênico no Palácio de Cristal. A programação faz parte da 30ª Bauernfest, que termina neste domingo (30). 

O Obelisco é o local é escolhido para a abertura das homenagens  porque o monumento, comemorativo ao primeiro centenário da elevação de Petrópolis à categoria de cidade, foi construído para perpetuar o nome dos que ajudaram a fundar o município, como D.Pedro II, o major Júlio Frederico Koeler, entre outros, além de todos os colonos alemães que chegaram em Petrópolis a partir de 29 de junho de 1845.  No monumento, o prefeito Bernardo Rossi prestou as homenagens através de três descendentes de colonos: as irmãs Cecília Luiza Hees, de 94 anos; Martha Maria Kreischer Weckmuller, de 92; e Maria Martha Kreischer, também de 92 anos.

“Fiquei muito feliz, nunca poderia imaginar isso”, disse a descendente Martha Maria.

No monumento a Koeler, o alemão que foi o responsável por projetar o município e trazer milhares de imigrantes germânicos para colonizar Petrópolis, foi homenageado por todo serviço prestado e legado deixado na cidade. “O Major Koeler, um alemão que transformou nosso município em modelo para todo país, contou com a ajuda e a força do trabalho de milhares dos seus conterrâneos germânicos. Um visionário que só fez nossa cidade crescer. A  presença do povo alemão foi determinante para o que somos hoje”, completou o prefeito.

A manhã de homenagens foi encerrada com um culto ecumênico nos jardins do Palácio de Cristal.  O local, que na época da colonização era conhecido como a Praça Koblenz (Praça da Confluência), era ponto de encontro dos colonos e onde eles dividiam os momentos festivos das famílias. O culto contou com a presença do pastor da Igreja Luterana, Elton Pothin, do Frei Jorge Paulo Schiavini e do Frei Marcos Antônio de Andrade, ambos da Igreja Sagrado Coração de Jesus.

Lá, a presidente do Clube 29 de Junho, Emygdia Hoelz, uma das fundadoras da Bauernfest, também foi homenageada por ajudar a manter e preservar a cultura germânica em Petrópolis. A data também marca os 60 anos do clube.

“É uma cultura que deve ser preservada por todo nós, principalmente os descendentes, mas também todo povo petropolitano”, disse a presidente.

As solenidades também contaram com a presença de secretários municipais, vereadores, a banda do 32º Batalhão de Infantaria Leve de Montanha, entre outras autoridades.

Programação intensa durante o fim de semana

Além das solenidades, a 30ª Festa do Colono Alemão conta com intensa programação neste feriado e também no domingo. No Palácio de Cristal, tem apresentação de grupos de dança folclórica, concursos de chope a metro – com a final no domingo, além dos tradicionais bailões com a Banda Germânica, atividades para as crianças, entre outras atrações.

Na Praça da Liberdade, entre os destaques da programação está a Banda do Barril, de Blumenau, que se apresenta tanto neste sábado quanto no domingo, além da cantora mirim Valentina Francisco, neste sábado. O espaço conta com Jogos Germânicos, atrações para as crianças e diversos shows.

O Desfile de Lanternas acontece neste sábado, saindo às 19h da Avenida Ipiranga e terminando no Palácio de Cristal. O Desfile Folclórico sai no domingo, a partir de 10h, da Rua da Imperatriz, também terminando no núcleo da festa.

A programação completa está disponível no site da festa: https://www.bauernfestpetropolis.com.br/ ou na página do Facebook: https://www.facebook.com/bauernfes 

Festa termina neste domingo com atrações no Palácio de Cristal, Biergarden e Praça da Liberdade          

O sábado começou movimentado nesse que é o último fim de semana da Bauernfest. Ônibus de turismo chegaram logo cedo na cidade: foram 189 registrados pela CPTrans até as 12h30. Além de aproveitar a festa nos três pontos principais do evento: Palácio de Cristal, Praça da Liberdade e Biergarden, os turistas fizeram questão de prestigiar o comércio da cidade e também visitar os pontos turísticos.

Os pontos turísticos também foram prestigiados pelos visitantes durante a estadia na cidade. É o caso do casal Emanuel Lisboa e Paula Lopes. Eles  vieram do Rio de Janeiro para a Bauernfest e fizeram questão de conhecer o Museu de Casa de Santos Dumont.

“É a nossa primeira vez na cidade e estamos encantados. Petrópolis é realmente muito bonita. Adoramos o Museu de Santos Dumont e continuaremos nosso trajeto visitando outros pontos", disse Emanuel.

Solange Andrade e Evaldo Garcia, também do Rio de Janeiro, parabenizaram a organização da cidade.

“A cidade é limpíssima, tudo muito bem organizado e planejado. Nos surpreendemos positivamente. Outra coisa que chamou nossa atenção foi o cuidado com a história e a preservação dos Museus. Vale muito a pena visitar Petrópolis. Voltaremos, com certeza!”, garantiu Solange.

“Cidade linda, pontos turísticos encantadores. Adorei", completou Evaldo.

 Comércio comemora movimento durante a Bauernfest

Os turistas movimentaram a cidade, não só a Bauernfest. Na Rua Teresa, por exemplo, os lojistas chegaram a registrar aumento nas vendas de até 35%. Muitos aproveitaram o transporte disponibilizado gratuitamente entre a Rua Teresa e a Bauern para fazer umas comprinhas. 

“Acredito que o aumento de vendas chegou em até 35% durante a festa. A prefeitura está de parabéns por ter dedicado mais dias à Bauern. É uma festa que movimenta vários setores econômicos e a Rua Teresa é o coração da cidade. Estamos muito felizes com o resultado da festa nesse ano", contou Nelson Baptista, empresário.

Cristiane Meschick, também empresária, destacou a alegria dos visitantes. “Eles estão muito felizes. Adoraram conhecer a Rua Teresa. O transporte gratuito foi um destaque nesse ano e estamos realmente satisfeitos".

Denise Fiorini, presidente da Associação de Lojistas da Rua Teresa  (Arte), comemorou o aumento no movimento. “Foi muito satisfatório. A rua ficou cheia e os empresários ficaram animados. Valeu a pena ter o transporte entre a festa e a Rua Teresa e esperamos que esse movimento se repita nos próximos anos”, disse.

A 30ª edição da Bauernfest segue até este domingo (30.06). A programação continua intensa no Palácio de Cristal – o coração da festa – e na Praça da Liberdade, além de atrações também na Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia), com o Biergarten.  A programação completa está disponível no site da festa: https://www.bauernfestpetropolis.com.br e na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/bauernfest/.

Segunda maior festa germânica do país, a Bauernfest está superando as expectativas dos comerciantes, produtores e artesãos locais. A meta é que a festa ultrapasse os R$ 43 milhões que movimentaram a economia da cidade no ano passado. Até esta sexta-feira (28.06) mais de mil veículos de turismo entraram na cidade no período do evento. O diferencial desta edição é que a Festa do Colono Alemão teve seus dias estendidos, para três fins de semana, possibilitando uma maior oportunidade tanto para o turismo, quanto para o comércio, gastronomia entre outros.

A gastronomia é um dos pontos fortes da festa. Comidas típicas, doces e quitutes fazem a alegria dos petropolitanos e turistas que passam pelo Palácio de Cristal – coração da festa - e arredores. O empresário Meton Machado Soares, que possui um ponto de venda de brownie, contou que a Bauernfest superou as expectativas e as vendas superaram até a Páscoa. “Durante todo o mês da Páscoa, a empresa produziu uma tonelada de brownie. Em 16 dias de festa, já produzi a mesma quantidade. Estou impressionado porque é a primeira vez que participo de um evento em Petrópolis e vendemos 5 vezes mais que nos eventos que participamos no Rio de Janeiro”, contou Meton, que ressaltou que faz questão de comprar na cidade todos os insumos para produção. “Tudo o que podemos comprar aqui para ajudar a economia do município, nós compramos. Sabemos também que são produtos bons que dão qualidade para a nossa produção final”, destacou.

O restaurante oficial da Bauernfest, Scharder Essen & Bier também está com as vendas a todo vapor. Os pratos típicos alemães: CurryWurst – salsichão ao molho curry com fritas e Schnitzel – filé de porco à milanesa acompanhado de salada de batata são atrações do local, que tem a capacidade de receber 200 pessoas.

“Com o aumento de dias de festa acreditamos que as vendas serão melhores que o ano passado. No sábado passado, vendemos uma média de 4.500 pratos típicos. A expectativa é que ultrapassemos em 22% a meta esperada”, destacou o proprietário do restaurante Michel Coutinho, que gerou 30 vagas de emprego durante os 16 dias de festa.

Quem superou também as expectativas foi o ponto de venda da tradicional tortinha alemã. O proprietário Bruno Araújo Albuquerque contou que no ano passado vendeu mil tortinhas e a festa este ano ainda não acabou e ele já atingiu este número. “O movimento está muito bom, espero vender até domingo pelo menos 1.400 tortinhas. Superamos a nossa meta e já esperamos a Bauernfest 2020”, disse.

O grupo de artesãos que estão locados na Casa do Artesanato também comemoram o movimento e o sucesso de vendas durante a festa. A artesã de costura criativa Carla Batista Marques está participando da Bauern pela primeira vez e contou como este “extra” ajudará na sua renda mensal. “Todo mundo sempre me incentivou a participar da Bauernfest e este ano resolvi encarar e superou minhas expectativas. A festa nem acabou e eu já vendi uma média de R$ 4 mil equivalente a umas 200 peças. Com essa renda vou conseguir investir em mais maquinários e qualificar o meu trabalho”, contou a artesã.

Notícias por data

« Julho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

cmv-logo

Relatorio CMVP